cante.com

TUDO ESTÁ NA CANÇÃO.

1. Ó, abre alas (1900), cante com Chiquinha Gonzaga

oh, abre a mala
que eu quero contar… 2x
eu tô na lida
não posso parar… 2x

oh, abre e fala
que eu quero escutar… 2x
rosa do povo
é quem vai ganhar… 2x
12 out. 2020

 

2. Dengoso (1907), cante com Ernesto Nazareth

eu falei 4x
não vai votar nesse ladrão
que é travesti de capitão!
tó teu atestado
assina aqui: sou poltrão!
eu falei 4x
13 out. 2020

 

3. Luar do sertão (1914), cante com Catulo da Paixão Cearense & João Pernambuco

coisa mais bela
neste mundo não existe,
que o mugir de um gado triste,
sem noção, na paz votar

parece até que
o cu da culpa é quem descanta,
reprimido na garganta
desse gado a ruminar
14 out. 2020

 

4. Pelo telefone (1916), cante com Donga & Mauro de Almeida

o chefe da milícia
pelo whatsapp
manda me avisar
que nessa biboca
tem uma gorjeta
para se embolsar

o chefe da milícia
pelo whatsapp
manda me avisar
que nessa birosca
quem for cagueta
pode até matar
15 out. 2020

 

5. Tristezas do Jeca (1926), cante com Angelino de Oliveira

lá no gado um dedo em riste
enche o peito pra xingar,
mas o besta quando fala
tem vontade de peidar,
e o ronco que vai saindo
devagar vai só se ouvindo
como vaza a câm’ra de ar
16 out. 2020

 

6. Jura (1928), cante com Sinhô

pura, pura, pura pelo senhor,
pura, de sacanagem,
na santa pus, e com fervor,
vai ter louvor a tua
puta, pura, pura de enganação,
para que um dia
em possa à tarde, meu amor,
sem mais, botar no teu botão
17 out. 2020

 

7. Cabocla Tereza (1937), cante com Raul Torres & João Pacífico

há tempo enchi um patinho
que tinha bem pouca moral,
pois era ali nosso nicho
bem sussa fazer votar

no alto lá da campanha
perto do kim, no curral,
paguei uns corno infeliz
c’as vaca sempre a rezar
18 out. 2020

 

8. Taí (1939), cante com Joubert de Carvalho

daí, comprei tudo
pra você votar ni mim…
ó, neném, que fez
arminha com a mão…
você tem, você tem
que poupar no cuecão
19 out. 2020

 

9. Sem compromisso (1944), cante com Geraldo Pereira & Nelson Trigueiro

você só vota com ele
e diz que é bom de serviço,
é ruim de fechar com isso,
não sou nenhum vacilão

quem ouve você, fodeu,
já saca a cabeça oca
e vaza do bate-boca
só pra dá um cagão
20 out. 2020

 

10. Baião (1946), cante com Luiz Gonzaga & Humberto Teixeira

eu vou contar pra você
como se lança um ladrão,
e quem quiser distorcer
é favor gostar de olavão

mimosa passe pra cá
assunte o meu trezoitão,
agora é só me seguir
pode até dançar c’o ladrão
21 out. 2020

 

11. Saudosa maloca (1951), cante com Adoniran Barbosa

se o rancor não está lembrado,
dá licença de contar,
que ali onde agora está
esse estropício alvo,
tinha uma dona séria
num palácio respeitado

foi ali, seu tonto,
que os eua, seu moro e a patota
destruíram nossa maloca
22 out. 2020

 

12. Desafinado (1959), cante com Antônio Carlos Jobim & Newton Mendonça

se você disser
que eu desatino, amor,
saiba que isso em mim
pipoca imenso humor

só mesmo abestalhados
têm bandido igual ao seu,
eu me orgulho apenas
que no seu doeu
23 out. 2020

 

13. É proibido fumar (1964), cante com Roberto Carlos & Erasmo Carlos

é proibido pensar!
diz o sorriso que eu vi
é proibido pensar!
pois o bozo pode pegar

e lá vem a anta
o sorriso inflamar,
pois a mata que ele
agora vai queimar

boi-bombeiro pode apagar
24 out. 2020

 

14. Dois mil e um (1968), cante com Rita Lee & Tom Zé

caguei pra civilidade,
transei com mil picaretas,
por filho ladro e devasso
e não temo um panelaço

cocota beijando a cruz,
copulo e faço cabaço,
meu amor, sou flordelis,
pastora e deputatriz
25 out. 2020

 

15. Foi um rio que passou na minha vida (1970), cante com Paulinho da Viola

se um dia, seu coração for intimado,
para dizer se entrou errado,
será difícil negar

seu coração tem mania de horror,
e horror é bem fácil atrasar,
a farsa do seu autoengano colou, votou…
seu ditador vai desbotar
26 out. 2020

 

Por Pedro Marques
http://www.poesiaamao.com.br/cante-com/